Arquivo de Notícias Destaque Notícias

Estado do Paraná terá dois novos santuários

Os dois novos espaços para devoção ficam no Norte Pioneiro e ainda serão construídos

O número de santuários no Paraná deve aumentar nos próximos anos. Dois projetos na região do Norte Pioneiro começam a sair do papel, um dedicado a Nossa Senhora das Graças, em Ibaiti, e outro, ao Santíssimo Nome de Jesus, em Joaquim Távora.

Santuário em Ibaiti

Placa de apresentação do local onde está sendo construído o Santuário de Nossa Senhora das Graças (foto: Gilson Sarrafho)

As obras em Ibaiti estão mais adiantadas. O local do santuário, às margens da BR-153, já conta com infraestrutura para recepcionar os peregrinos, que visitam a gruta dedicada à Nossa Senhora. O espaço foi inaugurado em novembro do ano passado e, a partir de fevereiro, deve receber missas mensais. O próximo passo será a construção do prédio do santuário com capacidade para 6 mil pessoas. A infraestrutura completa vai contar com praça de alimentação, banheiros, estacionamento e lojas.

O morro onde está sendo construído o santuário é um dos mais altos da região. Com vista panorâmica, em tempos de chuva uma cascata se forma próximo a rodovia tornando o local um dos cartões postais do Norte Pioneiro.

Momento em que foi celebrada a primeira missa campal no terreno onde está sendo construído Santuário Nossa Senhora das Graças, no município de Ibaiti (foto: reprodução/Facebook da Paróquia Santo Antônio de Pádua)

De acordo com Margarete Carneiro de Freitas Alarcon, responsável pela construção do santuário, 60 anos atrás as famílias da região costumavam rezar o terço de Nossa Senhora das Graças. Hoje, todo o primeiro domingo do mês é celebrada uma missa Maria Passa a Frente, que atrai mais de 2 mil fiéis.

Santuário em Joaquim Távora

Em Joaquim Távora, começou a construção de um monumento em forma de crucifixo, em uma área distante 2 quilômetros do centro da cidade. A intenção é que o local se transforme em um ponto de peregrinação e, futuramente receba, o santuário dedicado ao Santíssimo Nome de Jesus.

O monumento terá 15 metros de altura, mais 3,8 metros de base. O pároco da Igreja São Sebastião, padre Valdemir Granzzotto de Moraes, conta que o monumento será uma forma de resgatar a devoção ao Santíssimo Nome de Jesus.

Essa devoção nasceu no século 15 com São Bernardino de Sena. “São Bernardino trazia com ele as iniciais JHS (Jesus Salvador dos Homens) para demonstrar a devoção a Jesus”, explicou o padre.

Fotograma do projeto do santuário dedicado ao Santíssimo Nome de Jesus, que será construído na cidade de Joaquim Távora (Reprodução: Youtube)

Quando ele assumiu como pároco da Igreja São Sebastião, Pe. Valdemir começou a celebrar uma missa pelo Santíssimo Nome de Jesus, que hoje reúne mais de 1 mil pessoas no dia 3 de cada mês. Neste período, ele também foi tocado da necessidade de começar a construção do santuário pelo monumento. “Desde o início foi colocado que a cruz seria a primeira coisa e dali surgiria outras coisas”, conta.

A paróquia está fazendo campanha para arrecadação de recurso para ajudar na construção da cruz, que deve ficar pronta em seis meses.

A próxima etapa será conseguir a aprovação do bispo da Diocese de Jacarezinho para construção do santuário. O projeto prevê um espaço com capacidade para até 1.500 pessoas.

Rota do Rosário

A Rota do Rosário é um projeto de turismo religioso da Diocese de Jacarezinho. Atualmente tem 11 santuários e vários atrativos.

Deixe um comentário

Translate »